A bruxa tá solta

Em 2014,daisy3112 parece que a bruxa se soltou.

No mundo, matam crianças só porque são de outra raça, atiradores invadem escolas e dão diploma de mortos aos alunos. Aviões tomam chá de sumiço sem deixar um rastro sequer. Policial resolve matar um homem nos USA, porque… porque… Sabe-se lá por quê. Tornado no Mississipi, terremoto na Argélia, e CHEGA. Já está de bom tamanho a nossa lista.

Mas, calma, pessoal, porque estamos chegando ao Brasil! Pra começar, um monumental 7×0. Hum…. Começamos bem mal.

Continuemos. O Programa de Monitoramento Conjunto OMS/ UNICEF revela que apenas 28% dos municípios brasileiros, segundo o IBGE/2011, possuem uma política municipal de saneamento básico. E 47,85% das cidades brasileiras nem ao menos tinham, àquela época, órgãos de fiscalização da qualidade da água.

Não encontrei dados mais recentes, mas… acho que nem tem importância. Quando mãos tão poderosas estão lambuzadas de lama do jeito que estamos vendo, pra quê ter uma política de saneamento, ou de qualidade de água? Aliás, só de falar em Política (melhor escrever com p minúsculo)… Retificando: só de falar em política brasileira, a lama transborda. Lama disfarçada de petróleo, embrulhada em mentiras, em malfeitos.

Tudo isso porque a bruxa está presidindo o astral no Brasil.

E hoje a crônica será curta, porque tudo o que se tinha a falar sobre isso já foi dito. Agora, resta apelarmos para que alguém, alguma força suprema — divina ou terrena —, faça Justiça, para que nós, brasileiros, possamos readquirir a confiança no futuro da nossa terra e da nossa gente. Que possamos, em 2015, pensar o Brasil com esperança e com orgulho.

Mas, para isso, eu suplico às forças do Bem:

Prendam a bruxa, não deixem que ela fique vagando por aí, e que fiquemos nós à mercê de seus caprichos. Prendam a bruxa e seus acólitos, para libertar nossa fé.

Feito o pedido, mastigo sete grãos de… de que, mesmo? Acho que de lentilha. Ah… então, como a lentilha e expresso mais um desejo:

Bom Ano Novo a todos nós, daqui, dali e d’além.

 

Deixe um comentário!