Resistência

Sejamos sinceros: um tempo atrás, quando se falava de novos produtos, novas ferramentas, enfim, essas novidades que a tecnologia nos apresenta, o intervalo era grande. Por exemplo, a primeira impressora foi desenvolvida em 1938, mas a impressora 3D foi criada em 1984… um intervalo de 46 anos.

Só que, atualmente, a velocidade com que se desenvolvem melhorias nos produtos é… olha, ninguém pode mais esperar que as inovações num celular, por exemplo, aconteçam com intervalo maior do que 1 ano.

E as empresas esperam este tempo, penso eu, por questões estratégicas mercadológicas e de investimento.

Mas… e nós, pessoas, será que estamos merecendo viver neste tempo? Estamos acompanhando o ritmo do desenvolvimento?

O conhecimento se amplia em progressão geométrica, em escala alucinante, e você, aí, o que está fazendo para povoar seu cérebro com alguma coisa além de Fake News e blogs, e séries?

O crescimento, hoje mais do que nunca, depende de cada um… a escola e a família já não são mais os principais responsáveis pelo aprimoramento de quem quer que seja… agora é cada um por si e Deus por todos…

Aliás, falar em Deus me remete à Natureza, e o exemplo dela é definitivo: as plantas, qualquer uma delas, crescem para cima… esticam seu corpo em busca do Sol.

Espero que neste ano de 2022 você encontre um sol na sua vida, algo que o aqueça, que torne os dias brilhantes, e deixe você mais resistente a tudo que vier.

Para mim, a palavra para esse ano é Resistência…. sim, como o Parthenon que, firme, resiste ao tempo, às guerras, e à insensatez do ser humano.

Deixe um comentário!